Reprodução/ Conass
Carlos Lula, presidente do Conass



Fonte:Ig


Em ofício, conselho também pediu recursos financeiros e autorização para reativar a rede hospitalar instalada para combater a pandemia em 2021


O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) enviou um ofício ao Ministério da Saúde em que pede o reconhecimento de que o Brasil enfrenta uma nova onda de Covid-19. O pleito foi feito nesta quarta-feira (12), em texto assinado pelo presidente da entidade e secretário de Saúde do Maranhão, Carlos Lula.

"O Conass acredita que o crescimento de casos, impulsionado pela nova variante, volta a impor desafios aos sistemas de saúde público e privado do país. Destaca-se que, mesmo com a suspeita da menor gravidade, com a alta transmissão aumentam as chances de hospitalização, principalmente na população sem esquema vacinal completo", aponta o Conass no ofício.

O conselho pontua que no dia 2 de janeiro, dados disponibilizados pelo Painel Conass, indicaram a notificação de 1.721 novos casos de Covid-19. Já no último domingo (9), uma semana depois, 24.382 casos foram registrados no país - um aumento que ultrapassa a marca de 300% .

Deixe seu Comentário