Câmara pede por prisão de Danilo Gentili após publicação de humorista nas redes sociais – Foto: Reprodução/ SBT.

Fonte: Área Vip.


No início do mês passado (fevereiro), o comediante postou um incentivo à violência.


A Câmara dos Deputados entrou com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) em que pede a prisão de Danilo Gentili por conta de uma postagem em seu Twitter. Em suma, no fim do mês passado o comediante postou um incentivo para que que a população ”entrasse” no Congresso ”e socasse todo deputado” por conta da PEC de imunidade parlamentar.


Danilo Gentili pode ser preso por conta de publicação no Twitter.


Sendo assim, os advogados alegam violação à Lei de Segurança Nacional, comparam a publicação do humorista à invasão do Capitólio americano, no início deste ano (2021) e, por isso, pedem abertura de inquérito.


Por fim, no dia 25, Gentili escreveu nas redes sociais: “Eu só acreditaria que esse País tem jeito se a população entrasse agora na câmara e socasse todo deputado que está nesse momento discutindo PEC de imunidade parlamentar.“. Na ocasião, os deputados discutiam proposta que cria novas regras de imunidade parlamentar. Enfim, a votação acabou sendo adiada e uma comissão especial irá avaliar a medida.


Dessa forma, para a Procuradoria da Câmara a publicação de Danilo Gentili representa ”grave ameaça à ordem pública’‘ e um ”ataque ao Poder Legislativo”.


Apresentador se pronuncia após polêmica.


Posteriormente, ainda em suas redes sociais, o apresentador do ”The Noite” afirmou que fez uma publicação que foi ”alvo de justas críticas por alguns deputados’‘. “Quem me segue sabe que sempre defendi as instituições. Aliás, minha briga com bolsonaristas foi justamente pelo fato de eu ser contrário aos pedidos criminosos de fechamento do STF e do Congresso“, escreveu.


Além do pedido de prisão do humorista, a Procuradoria da Câmara pede a abertura de um inquérito para apurar o caso e o bloqueio das publicações pelo Twitter.


Deixe seu Comentário