Menu

Rádio Avante

A nova onda na web


Funcionários da Maternidade Evangelina Rosa podem fazer greve após atraso de salários

10 FEV 2018
10 de Fevereiro de 2018

Profissionais que atuam na Maternidade Dona Evangelina Rosa podem entrar em greve caso os pagamentos dos salários referentes ao período que trabalharam no ano passado não sejam pagos, além do 13º.

Imagem relacionada

Entre o profissionais que podem aderir ao ato, estão os técnico de enfermagem, que são contratados, e afirmam que há salários atrasados desde novembro de 2017.

Vários funcionários já assinaram um protocolo que comunica a direção da maternidade sobre a possibilidade de greve e o sindicato das classes que lá atuam já foram informados. Bolsistas já teriam aderido a greve, além dos profissionais que atuam na sala dos recém nascidos.

Além dos atrasos, o funcionários também reclama das péssimas condições do local. "Ontem nem tinha lanche para as pacientes, está faltando tudo na maternidade. Uma nutricionista teve que fazer um chá para servir como lanche porque não tinha nada", disse uma técnica de enfermagem ao 180.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Sobre a denúncia de que estaria faltando lanches para pacientes, a Maternidade dona Evangelina Rosa (MDER) esclarece que essa informação é absurda e  não condiz  com a verdade. A Instituição lamenta profundamente que  um pequeno grupo de colaboradores se utilizem desse tipo de artifício com o intuito de macular a imagem da Maternidade.  

A respeito do  pagamento dos vencimentos  dos servidores que trabalham em regime de contrato temporário, a diretoria da Maternidade reconhece o atraso e informa que o dinheiro já encontra-se na conta da Instituição, porém, o pagamento não foi efetuado por um problema de operacionalização ocorrido no Sistema Fianceiro do Estado ( Siafem). A efetivação ocorrerá no próximo dia útil quando serão pagos os meses de novembro e dezembro.

Esclarecemos ainda que a direção da MDER não tem conhecimento de nenhum bolsista ou profissional contratado em greve.

Fonte: 180graus

Voltar


Tenha você também a sua rádio